DESTAQUES

Para atingir o sucesso não basta persistência, é preciso perseverança

Thaís Petroff 01/01/2016 COMPORTAMENTO

por Thaís Petroff

Persistência - "O problema se encontra quando os resultados atingidos através de determinados comportamentos não são os desejados e permanece-se repetindo-os"

Existem diferenças entre persistência e perseverança muito além das definições do dicionário. Isso pode inclusive influenciar ou até ser responsável pela ineficiência ou incapacidade em se alcançar o sucesso.

Começando pelos pontos em comum, tanto quem é persistente quanto quem é perseverante visa um objetivo (atingir um resultado) e o foco encontra-se no mesmo. Quem é persistente busca atingir esse objetivo mantendo a mesma estratégia, ou seja, repetindo os mesmos passos ou ainda, “fazendo mais do mesmo”. Quando se está aprendendo a dirigir, aprendendo um novo idioma ou qualquer outra habilidade que seja, esse é o único caminho que permite que se alcance a excelência. A repetição, o treino ou a persistência são impreteríveis.

O problema se encontra quando os resultados atingidos através de determinados comportamentos não são os desejados e permanece-se repetindo-os. Einstein já nos disse que: “Não há maior demonstração de insanidade do que fazer a mesma coisa, da mesma forma, dia após dia, e esperar resultados diferentes.” Desse modo, quando se visa algo novo, é preciso buscar estratégias alternativas.

O ex jogador de basquete Michael Jordan em seu livro “Nunca deixe de tentar” diz: “Você pode praticar arremessos durante oito horas por dia, mas, se a sua técnica estiver errada, tudo o que irá conseguir é se tornar muito bom em arremessar a bola do jeito errado.” É preciso então aprender com os erros, analisando o que pode ser feito de maneira diferente para desse modo alcançar um resultado diferente.

Perseverança e sucesso

Ser perseverante pressupõe criatividade, flexibilidade e visão. Criatividade para gerar diferentes estratégias, flexibilidade para ter “o jogo de cintura” necessário para adotá-las quando preciso e visão para antecipar possíveis riscos, assim como pontos positivos ou negativos das estratégias. Assim, perseverança é criar diferentes soluções para resolver um problema ou ainda buscar diversas alternativas para se alcançar um objetivo.

Há a tendência de com o passar dos anos, as pessoas tornarem-se mais persistentes, ao invés de perseverantes, pois podem passar a se basear em suas experiências de vida passadas e em função disso enrijecerem seu modo de fazer as escolhas de estratégias futuras. Do mesmo modo, as crianças ou os jovens, como ainda estão aprendendo e testando diversas coisas, podem ter mais abertura nas suas escolhas. No entanto, como persistência e perseverança são atitudes aprendidas e, desse modo, podem ser treináveis (aprendidas) qualquer um, em qualquer idade pode desenvolver qualquer uma delas.

A técnica abaixo é muito simples, mas pode ser uma poderosa ferramenta para auxiliar a empreender comportamentos mais perseverantes e estratégicos:

1- Qual seu OBJETIVO nessa situação?

2- Quais são as ALTERNATIVAS?

3- Quais as VANTAGENS e DESVANTAGENS de cada uma das alternativas?

4- ESCOLHA uma alternativa.

5- FAÇA o que foi escolhido.

6- Avalie os RESULTADOS.

7- Aprenda e faça MELHORIAS.

 




Criteo Publicidade:

Thaís Petroff

Formada em Psicologia pela PUC-SP e é Master Coach. Utiliza a Terapia Cognitivo Comportamental como base do seu trabalho, mas sabendo da profundidade e complexidade do ser humano, fez formação em Bioenergética, Programação Neurolinguística e Yoga se focando em auxiliar as pessoas a desenvolver e manter emoções mais equilibradas e saudáveis. Foca-se em desvendar e compreender a desafiadora prática das relações, promover transformações cognitivas, emocionais e comportamentais nas pessoas que a procuram e disseminar conhecimento através das mídias sociais.



ENQUETE

“Nada mais indigesto para o mundo que a liberdade de uma mulher", diz Fernanda Young. Você concorda?






VOTAR!
Vya Estelar - Qualidade de vida na web - Todos os direitos reservados ®1999 - 2017
O portal Vya Estelar não se responsabiliza pelas informações e opinião de seus colunistas emitidas em artigos assinados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação.