DESTAQUES

Onde está a sua felicidade?

Redação Vya Estelar 01/01/2016 ENTREVISTAS
Saborear cada momento da vida possibilita estado de felicidade

Por Angelo Medina

Com eloquência e simplicidade o psiquiatra Luiz Alberto Py explica como encontrar a felicidade. Ele diz que ela está dentro de você e é para ser vivida no aqui/agora. Nesta entrevista, você vai aprender como fazer isto.

Longe de fornecer receitas banais, Py fornece idéias úteis, sensatas e alguns caminhos para facilitar o acesso à felicidade.

Especializado em psicanálise há 40 anos, Luiz Alberto acaba de lançar o seu segundo livro A Felicidade é aqui. De forma profunda, simples e sensível ele dá seus conselhos sem se resvalar no academicismo chato.

Vya Estelar - O que é felicidade para o senhor? Felicidade é sinônimo de sucesso?

Luiz Alberto Py - Acho que felicidade é um estado interior que se caracteriza por saborear a vida que temos para viver.

Vya Estelar - Como ser feliz no aqui/agora?

Luiz Alberto Py - Exatamente focalizando o aqui/agora e se mantendo atento aos pequenos acontecimentos de cada instante, aproveitando o que houver para ser aproveitado.

Felicidade X Alegria

Vya Estelar - Como ser feliz diante de adversidades como a falta de dinheiro e emprego; frente a um grave problema de saúde, perda de um ente querido...?

Luiz Alberto Py - Acho importante, e me refiro a isto no começo do meu livro, que se distinga felicidade de alegria. Sei que mesmo quando estamos tristes com os acontecimentos negativos que estão ocorrendo, podemos ser felizes pelo simples fato de estarmos vivos e aptos a saborear a vida.

Exercício para buscar a felicidade

Vya Estelar
- Se a busca da felicidade é um exercício, como praticá-lo?

Luiz Alberto Py - Devemos ter sempre em mente que a felicidade é nosso objetivo na vida e um bem supremo que enriquece os seres vivos. Estar atento para saborear cada momento da vida nos permite ficar em um estado de felicidade. O exercício consiste em desenvolver esta atenção por um lado e por outro não permitir que as tristezas e dificuldades nos afastem deste estado. A felicidade se busca ativamente.

Vya Estelar - Quais sãos os valores reais que nos trazem felicidade?

Luiz Alberto Py - O valor básico do ser humano, aquilo que nos permitiu sobreviver em um ambiente hostil e desenvolver Civilizações, é a solidariedade que nos permitiu desenvolver a capacidade para trabalhar em grupo. Acho que cultivar a solidariedade, sob a forma de amor, empatia e compaixão ajuda a melhorar a qualidade de nossa felicidade.

Vya Estelar - Qual é o maior inimigo da felicidade, o que mais dificulta a nossa capacidade em sermos felizes?

Luiz Alberto Py - O egoísmo - uma preocupação excessiva consigo mesmo que leva à ambição doentia.

Vya Estelar - Por que encarar a própria morte de frente nos ajuda a experimentar a felicidade?

Luiz Alberto Py - Porque ela está presente e é inevitável. Aceitá-la representa um desafio. Significa aceitar deixar de viver e de saborear a felicidade.

Vya Estelar - Como encarar a dificuldade como um desafio, mas não como um problema?

Luiz Alberto Py - É fundamental se entender que a vida é difícil, é dura. Portanto, coisas ruins acontecerão sempre a todos nós e quando entendemos que elas são o preço natural a se pagar pela vida, preço que todos pagam, fica mais fácil entender que não existem problemas, mas desafios a serem enfrentados da melhor maneira que pudermos.

Vya Estelar - Como lidar com os nossos medos interiores?

Luiz Alberto Py - Medos são bem-vindos. Eles nos ajudam a nos proteger. O importante é evitar ficar acovardado por eles. Lidamos com eles examinando-os, avaliando-os e tomando as providências necessárias para nos defender dos perigos que eles mostram. Quando são medos doentios ou falsos (perigos inexistentes ou improváveis) é preciso passar por cima deles.

Vya Estelar - De que forma controlar a mente para manter o pensamento sempre elevado?

Luiz Alberto Py - A atenção é fundamental. Meditação, em qualquer forma, ajuda bastante. Exercício físico também. Pratico tai-chi-chuan e gosto muito da ioga tradicional.

Vya Estelar - Qual a diferença entre a 'fé doente' e a 'fé saudável'?

Luiz Alberto Py - A fé tem diferentes estágios, desde os mais primitivos, irracionais até os mais elevados, fruto do amadurecimento. A fé doente, primitiva, não admite dúvidas. A verdadeira fé, saudável, se encontra na capacidade para duvidar.

Vya Estelar - As pessoas buscam a 'felicidade rápida' através do uso de álcool ou drogas. Como fazer essa troca, suprir este buraco da angústia, ansiedade e tristeza pela felicidade natural?

Luiz Alberto Py - Acredito muito no exercício físico, pelo bem-estar que traz. Terapia, quando feita com dedicação e competência, ajuda bastante.

Vya Estelar - Qual é o caminho para a felicidade no relacionamento amoroso?

Luiz Alberto Py - Amor adulto: generosidade com reciprocidade.

Vya Estelar - E na vida profissional?

Luiz Alberto Py - Amar o que faz e se empenhar ao máximo para ser o melhor que puder, tendo o cuidado de não tentar fazer mais do que pode.

 

COMUNICAR ERRO

Redação Vya Estelar

ENQUETE

Você acha que um romance iniciado no Carnaval tem chances de dar certo?





VOTAR!
Vya Estelar - Qualidade de vida na web - Todos os direitos reservados ®1999 - 2017
O portal Vya Estelar não se responsabiliza pelas informações e opinião de seus colunistas emitidas em artigos assinados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação.