DESTAQUES

Quando um homem está interessado numa mulher seu corpo fala?

Anette Lewin 01/01/2016 COMPORTAMENTO
Sinais expressos pelo corpo são mais verdadeiros

por Anette Lewin

"Vi uma matéria sobre isso. É mito ou fato? Como funciona isso no homem?"

Resposta: Sim, existem sinais corporais que expressam o interesse amoroso. Não só nos homens, mas tambem nas mulheres. O corpo, os gestos, o olhar, os trejeitos, muitas vezes são até uma expressão mais fiel à realidade amorosa do que as palavras.

Se você observar casais conversando, sem poder escutar o que falam, certamente poderá distinguir aqueles que estão apenas trocando ideias daqueles que estão seduzindo. Quando existe o interesse amoroso, o olhar é mais lânguido.

O corpo fala: 4 táticas utilizadas pelo homem e a mulher na hora de seduzir

Homens

- tentam chegar mais perto com o corpo;

- evidenciam o que têm de mais favorável em sua aparência, ex: músculos dos braços e tórax;

- sorriem muito;

- demonstram interesse pela fala feminina;

- os mais ousados, usam pequenos toques nos cabelos ou no rosto da mulher.

Mulheres

- usam muito o sorriso;

- os olhos brilham;

- os cabelos são jogados de um lado para o outro;

- exploram os dotes físicos como o colo e o cruzar de pernas.

Esses são sinais físicos de atração, o que não quer dizer, necessariamente, que haja um interesse de namoro.

Se entrarmos no campo de relações amorosas mais profundas, os sinais podem ser diferentes e, às vezes até ambíguos; muitas vezes as palavras dizem uma coisa e o corpo sinaliza outra. Um "eu te amo" com o olhar desviado dos olhos da parceira, por exemplo, tem grande probabilidade de ser mentira. Pode significar: "Acho você bonita, quero transar com você, mas não namorar". Nesse caso a discrepância entre palavra e corpo é que determina a verdadeira intenção.

As palavras verbalizadas, por serem racionais e controláveis, podem ser mentirosas. Os sinais expressos pelo corpo são mais verdadeiros, por serem mais intuitivos e mais primitivos. Afinal, aprendemos a nos comunicar através do corpo antes de aprender a falar!

Assim, quem quiser conhecer seu (sua) parceiro(a) amoroso(a) de verdade, deve usar os olhos e os ouvidos. Aliás, mais os olhos do que os ouvidos! Muitos casais brigam por darem credito às palavras como se elas fossem a expressão máxima da verdade. Não são! São, na verdade, excelentes armas de sedução pois podem ser combinadas em belas frases, agradáveis a qualquer ouvido. Mas não passarão disso se não forem preenchidas com uma verdade corporal.

Assim, se quiser ter certeza das intenções de seu(sua) parceiro(a) fique atento ao que ele(ela) está dizendo de fato, e não apenas ao que está falando com as palavras. Dá mais trabalho, é verdade, mas evita que você acorde da "anestesia" de belas palavras sedutoras e perceba que está sozinho(a)!

ATENÇÃO: As respostas do profissional desta coluna não substituem uma consulta ou acompanhamento de um profissional de psicologia e não se caracterizam como sendo um atendimento

Vya Estelar Responde

Vya Estelar quer colocar você, querido leitor, mais perto ainda de nós. Esse profissional irá responder dúvidas enviadas pelos internautas sobre um determinado tema. A psicóloga Anette Lewin responderá sobre relacionamento amoroso, conflitos na vida a dois e conjugal. Os e-mails serão selecionados e editados de acordo com critério editorial do Vya Estelar, já que não será possível responder a todos. Seu nome e e-mail serão preservados.

ENVIAR PERGUNTA
COMUNICAR ERRO

Anette Lewin

É psicóloga graduada pela PUC/SP. É psicoterapeuta de adultos e adolescentes em consultório particular desde 1975 até a presente data.

Vya Estelar - Qualidade de vida na web - Todos os direitos reservados ®1999 - 2016
O portal Vya Estelar não se responsabiliza pelas informações e opinião de seus colunistas emitidas em artigos assinados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação.