DESTAQUES

Saiba o que é resiliência e entenda sua relação com o yoga

Emilce Shrividya Starling 01/01/2016 COMPORTAMENTO
O momento presente é a nossa colheita

por Emilce Shrividya Starling

Estamos no fim de um ano e no recomeço de outro. A esperança e o entusiasmo vibram nas pessoas que anseiam por conquistas e prosperidade. Elas têm muitos desejos que esperam alcançar ao longo do ano.

A chegada do Ano novo é um momento mágico, de mudanças, de fazer resoluções, de valorizar e priorizar hábitos mais saudáveis.

Alguns desejam começar um novo curso, conseguir mais tempo para estudar, passar em um concurso. Alguns querem investir na saúde e se agendam para praticar hatha yoga, fazer caminhadas, musculação. Outros querem alcançar o peso ideal se alimentando melhor. Outros anseiam progredir no trabalho ou esperam encontrar o amor de suas vidas. Outros aspiram meditar diariamente para sentir a paz interior.

Todos desejam ser mais felizes. Mas, muitas vezes, com o passar dos dias, vão esquecendo de suas aspirações e ideais.

Para alcançarmos nossas metas é importante renovar nossas resoluções todos os dias. Ter constância em nossos propósitos.

O yoga nos ensina a desenvolver firmeza e suavidade, resistência e flexibilidade. Entenda esse paradoxo: ao mesmo tempo, ser flexível e determinado, ser forte e ter leveza de espírito.

É se adaptar às mudanças psicossociais, transcender obstáculos e mágoas, administrar conflitos, suportar dor. É ser feliz apesar de... É aceitar e agradecer aos acontecimentos e fatos.

A psicologia moderna tem usado a palavra resiliência para denominar este ensinamento que falamos no yoga.

Resiliência significa um misto de resistência e flexibilidade. É lidar bem com os desafios e adversidades do dia a dia.

Para entender bem esse conceito, o bambu é um ótimo exemplo disto. Durante um vendaval, o bambu quase se encosta ao chão, sendo flexível, mas não se quebra, pois é resistente. E, depois que o vento passa, ele volta para seu lugar.

Uma pessoa que tem baixo grau de resiliência suporta inadequadamente suas crises e problemas, podendo desencadear depressão, sintomas psicossomáticos, ansiedade e pânico. Pode ficar dependente de vícios, alcoolismo, drogas e comportamentos autodestrutivos.

Ser resiliente é olhar para os fatos em si, sem se deixar levar pelas emoções causadas por eles. É a capacidade de suportar tensões, pressões, dificuldades. É a superação de crises e adversidades.

Esse não é um passo fácil para ser dado e nem se consegue isto imediatamente. Isto vem de uma mudança importante no modo como se aceita ou se reage às frustrações e aos desejos não realizados. É necessário ser flexível com a realidade, que nem sempre é como desejamos.

Não é ver a vida cor de rosa, fazendo de conta que um fato desagradável não existe. É perceber o problema, aceitá-lo, superá-lo, resolvê-lo da melhor maneira.

Em vez de ficar se lamentando, ou se perdendo em pensamentos negativos, imaginando o pior, foque sua atenção nesta situação desagradável e concentre seus esforços em buscar soluções.

Muitas vezes não podemos mudar uma situação, pois o momento presente é nossa colheita, mas podemos mudar o como pensamos, o como falamos, o como agimos. Essa nova atitude faz toda a diferença.

Comece esse ano com essa nova atitude, com coragem, alegria, entusiasmo e firmeza interior. Fique em paz! Seja muito feliz! Você merece! Deus em mim saúda e agradece Deus em você!

COMUNICAR ERRO

Emilce Shrividya Starling

É formada em Yoga pela Federação de Yoga do Brasil e Centro de Estudos de Yoga Narayana/S.P, com aperfeiçoamento em Hatha Yoga e Meditação nos Estados Unidos. É professora de Hatha Yoga em Santos (SP), desde 1989. Atualmente ensina Filosofia do Yoga e Meditação.

ENQUETE

Relação aberta ajuda a reacender o romance?






VOTAR!
Vya Estelar - Qualidade de vida na web - Todos os direitos reservados ®1999 - 2017
O portal Vya Estelar não se responsabiliza pelas informações e opinião de seus colunistas emitidas em artigos assinados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação.