DESTAQUES

Uma pessoa bi pode se tornar hetero?

Margareth dos Reis 01/01/2016 COMPORTAMENTO

por Margareth dos Reis

Resposta: A orientação sexual é descrita como um contínuo em que a heterossexualidade (atração apenas por pessoas do sexo oposto) encontra-se em uma extremidade, a homossexualidade (atração apenas por pessoas do mesmo sexo) na outra e, no centro, a bissexualidade (atração por pessoas de ambos os sexos).

O sentimento que a pessoa experimenta ao longo das situações que ela vive durante o seu desenvolvimento leva à consciência da sua orientação sexual.

Pode acontecer de a pessoa viver relacionamentos homo e heterossexuais ao mesmo tempo, em períodos diferentes da vida, viver uma relação heterossexual e ter somente fantasias eróticas (ocasionais ou não) com pessoas do mesmo sexo, e também passar a se interessar, exclusivamente, por pessoas do mesmo sexo ou do sexo oposto para a sua vida a dois.

O que caracteriza a bissexualidade não é uma experiência ocasional (como pode acontecer na fase das descobertas de prazer na adolescência, ou em algum outro momento específico da vida de uma pessoa), mas o desejo sexual frequente e contínuo por pessoas de ambos os sexos.

A orientação sexual, que é confirmada na vida adulta, é considerada uma tendência que se mantém ao longo da existência, mesmo quando a prática seja reprimida. E isso vale para os dois gêneros!

Vya Estelar Responde

Vya Estelar quer colocar você, querido leitor, mais perto ainda de nós. Esse profissional irá responder dúvidas enviadas pelos internautas sobre um determinado tema. A psicóloga especializada em sexualidade Margareth dos Reis responde sobre dúvidas em relação à vida sexual e sexualidade. Os e-mails serão selecionados e editados de acordo com critério editorial do Vya Estelar, já que não será possível responder a todos. Seu nome e e-mail serão preservados.

ENVIAR PERGUNTA

Margareth dos Reis

É Psicóloga Clínica, Terapeuta Sexual e de Casais no Instituto H.Ellis-SP; psicóloga no Ambulatório da Unidade de Medicina Sexual da Disciplina de Urologia da FMABC; Doutora em Ciências pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo; epecialista em Sexualidade pela Sociedade Brasileira de Sexualidade Humana – SBRASH; autora do livro “Mulher: produto com data de validade” (ED. O Nome da Rosa) Mais informações: www.instituto-h-ellis.com.br

Vya Estelar - Qualidade de vida na web - Todos os direitos reservados ®1999 - 2016
O portal Vya Estelar não se responsabiliza pelas informações e opinião de seus colunistas emitidas em artigos assinados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação.