DESTAQUES

Quem tem predisposição à ansiedade pode confundir urgente com importante

Redação Vya Estelar 01/01/2016 PSICOLOGIA
Faça listas quando se sentir engolido pelas atividades e emoções da vida

por Silvia Maria de Carvalho

"Existe algum critério para separar o urgente do importante? Esta ação poderia reduzir minha ansiedade?"

Resposta: Podemos começar com as definições. Segundo o dicionário da Língua Portuguesa: URGENTE; que não pode ser adiado ou retardado, que urge. Algo impreterível, improrrogável e inadiável. IMPORTANTE; que tem importância, que é considerável, que goza certa autoridade, que desempenha um papel considerável. O essencial, o que há de mais útil. O necessário.

À primeira vista parece uma coisa só. Ainda mais se temos predisposição à ansiedade. Tudo se mistura no dia a dia e num piscar de olhos perdemos a noção de que existem critérios, que as coisas podem ser vistas uma a uma, que há graduação de importância nos fatos.

Algo urgente não necessariamente é importante. Algo importante, às vezes, pode esperar para acontecer ou ser resolvido. O turbilhão que nos cega começa a ser esclarecido quando se tem a noção que podemos discriminar as coisas.

Gosto de fazer listas quando me sinto engolida pelas atividades e emoções da vida. Isso deixa mais fácil visualizar onde estamos inseridos. E mais; torna evidente que somos únicos e o que é importante pra mim pode não ser pra você.

Como elaborar lista para separar urgente do importante:

Pegue quatro folhas de papel.

Na primeira, escreva: importante e urgente.

Na segunda escreva: importante e não urgente.

Na terceira escreva: não importante e urgente

Na quarta escreva: não importante e não urgente.

Veja o que aparece depois e analise seus dados.

Você tem um material significativo para seguir.

Vai ficar surpresa como a resposta à sua pergunta já estava aí. Faltava tranquilidade para ser ouvida.

COMUNICAR ERRO
loading...

Redação Vya Estelar

ENQUETE

Você namoraria alguém como você?






VOTAR!
Vya Estelar - Qualidade de vida na web - Todos os direitos reservados ®1999 - 2017
O portal Vya Estelar não se responsabiliza pelas informações e opinião de seus colunistas emitidas em artigos assinados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação.