DESTAQUES

Crise de humanidade gera crise de sustentabilidade

Marilena Lavorato 01/01/2016 COMPORTAMENTO
Quem não cuida de si, não terá olhar para cuidar do próximo

por Marilena Lavorato

Para conquistarmos a sustentabilidade temos que fazer escolhas diárias como indivíduo ou como organização.

O momento atual é sempre fruto das escolhas que as gerações passadas ou nossos antecessores fizeram, e assim será sucessivamente. As próximas gerações viverão o nível de sustentabilidade resultante das escolhas da atual geração.

Por isso, a sustentabilidade é algo que plantamos hoje, para colhermos amanhã. Nada é imediato, e tudo envolve investimentos, cuidados e espera. Talvez por isto, a sustentabilidade nos encante como projeto, mas nos desanima como ação.

A sustentabilidade não nasce pronta, deve ser construída baseada em nossos valores e ação. E é extremamente precisa em relação aos resultados. Quem não cuida de si, não terá olhar ou interesse para cuidar do próximo. Quem não cuida de sua casa, não terá olhar, interesse e condições de cuidar do rio, da floresta e dos animais. Quem não entende que faz parte de um grupo social, não será um cidadão. Quem não entende de humanidade, não saberá jamais o que é sustentabilidade.

Portanto, a crise de sustentabilidade (ambiental, social, econômica) que vivemos é resultado de uma outra crise, muito maior e mais temida, a crise de humanidade (moral).




Criteo Publicidade:

Marilena Lavorato

É Publicitária (PUCC) com especialização em Marketing (ESPM), Negócios (FGV/SP), Sociologia e Política (EPGSP/SP), Gestão Ambiental (IETEC), e Gestão Empresarial Estratégica (USP). Organizadora do Programa Benchmarking Ambiental Brasileiro, Co-Editora do Livro BenchMais, Presidente do Comitê de Sustentabilidade do Instituto Mais, Professora e conferencista para os temas Benchmarking Ambiental e Marketing Verde em universidades e congressos. Mais informações: www.institutomais.org



ENQUETE

Você aceita bem o seu corpo?







VOTAR!
Vya Estelar - Qualidade de vida na web - Todos os direitos reservados ®1999 - 2017
O portal Vya Estelar não se responsabiliza pelas informações e opinião de seus colunistas emitidas em artigos assinados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação.